quarta-feira, 14 de julho de 2021

Pizza com base crocante de farinha de linhaça, recheio de ricota, cogumelos e rúcula (saudável; sem glúten)

 


Pizza com base crocante de farinha de linhaça, recheio de ricota, cogumelos e rúcula (saudável; sem glúten)






Há por aí amantes de bases finas nas pizzas? E amantes de poucas calorias na base da pizza? Cheira-me que também haverá muitos. Já agora, também era bem vindo se fosse facílima de fazer e muito, mesmo muito saudável, cheia de bons nutrientes naquela pequena camada estaladiça por baixo dos mais simples recheios. Pois é, tudo isto é possível. Até é difícil de acreditar, mas confiem mim que até vou já falar-vos do principal ingrediente desta base para começarem a ficar convencidos.


As sementes de linhaça, na forma de farinha, ricas em ômega 3 e 6 - alimento mais rico em ômega 3 presente na natureza -, são um antioxidante e renovador das células, logo, retardam o seu envelhecimento, protegendo a pele. Mas a linhaça não se fica por aqui, por ter muita fibra, ajuda na regularização da função intestinal e no emagrecimento. Sim, eu disse emagrecimento. O seu elevado índice de fibras fazem com que haja uma libertação de glicose mais lenta no sangue, o que evita os picos glicémicos. Com isso, há menor acumulação de gordura no organismo, além do prolongamento da sensação de saciedade. O resultado é o que nós desejamos: menos apetite! E ainda há mais, as suas fibras contribuem  para a eliminação de gorduras e toxinas.



Ela é realmente a queridinha dos adeptos da alimentação saudável e vida fitness, não contem glúten e, para além de ajudar no emagrecimento como já disse, ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares, no sistema imunológico e muito mais.

A sua quantidade de proteína também é um fator a ter em conta e acreditem que, juntamente com a elevada percentagem de fibras, manda mesmo a fome para bem longe durante muito tempo.


Passando á receita em si, não há quase nada para dizer, já que é do mais fácil que existe. A única coisa que é preciso fazer é misturar a farinha de linhaça com água e amassar. Eu quis dar um ar de graça e um sabor especial á minha base, até porque usei um recheio simples, e acrescentei-lhe ervas aromáticas e algumas sementes variadas. Tudo completamente opcional, apenas acho indispensável um pouco de sal para temperar.


Tenho de vos falar de calorias, já que tenho a certeza que se vão surpreender. Na forma básica, ou seja, sem as ervas aromáticas e as sementes que acrescentei á minha, toda a base tem 716 kcal. Isto quer dizer que, cada fatia idêntica ás que vêm na foto tem 90Kcal. Isto, claro sem contar o recheio já que estou apenas a falar-vos da base.

Quanto ao recheio, escolhi um que acho que combina bem em termos de sabor com esta base. Esta escolha também teve que ver com uma questão de tempo. É que não precisa de voltar ao forno, o que facilitou muito já que fiz esta pizza ao almoço, precisamente para comemorar o dia mundial das pizzas.




Para uma base fina de pizza tamanho familiar (8 fatias) vão precisar de:

1 caneca (250ml no copo medidor) de farinha de linhaça amarela ou marron

1/2 colher de chá de sal

100ml de água fria

1 colher de chá de salsa seca*

1 colher de chá de orégãos secos*

1 colher de sopa de mix de sementes*

*Estes ingredientes são opcionais. Também podem usar alho em pó e/ou cebola em pó para aromatizar a vossa base.


Recheio:

125g de ricota

250g de cogumelos laminados

1 fio de azeite

1 colher de café de massa de alho (uso da Flor das Hortas) ou 1 dente de alho picado

3 mãos cheias de rúcula

Tempero:

1 colher de chá de azeite + 1 colher de chá de sumo de limão + algumas gotas de vinagre balsâmico + sal + ervas aromáticas secas (usei salsa, orégãos e manjericão todas da Chaparral)

Confeção:

Numa tigela misturei a farinha com o sal, as sementes e as ervas aromáticas que escolhi para aromatizar a minha base.

Juntei a água, aos poucos, e fui misturando, inicialmente com uma espátula, depois com as minhas mãos.

Nota: Se estiver a colar ás mãos é só juntar mais um pouco de farinha. Como em qualquer massa, quando melhor e mais for amassada, melhor é o resultado final.

Formei uma bola e deixei descansar alguns minutos no frigorifico enquanto o forno aqueceu a 180ºC.

Com a ajuda do rolo da massa e entre folhas de papel vegetal, estendi a massa. Ela é muito maleável e fácil de moldar.

Levei ao forno por 15 a 20 minutos (o tempo vai depender da altura da massa e se gostam mais ou menos crocante).

 





 Neste tempo salteei os cogumelos num fio de azeite e alho. Fiz o tempero misturando os ingredientes numa tigelinha.

Retirei a base do forno, espalhei a ricota, depois os cogumelos e a rúcula. Temperei e servi.











Bom apetite!



Créditos:https://panelinhadesabores.blogspot.com/2018/07/pizza-com-base-crocante-de-farinha-de.html

Nenhum comentário:
Faça também comentários