domingo, 18 de julho de 2021

Ensopado de carne com cenoura

 


Ensopado de carne com cenoura




Não existe nada que represente mais a comida caseira do que um bom ensopado de carne com cenoura. É um misto de simplicidade com conforto. Ao mesmo tempo que é rústico tem camadas de sabor que alegram o paladar. Além de ser um coringa na mesa, pois combina com um simples arroz, com macarrão, com salada, com farofa e até sem acompanhamento dá conta de uma refeição.


O bom ensopado é feito com calma e de preferência numa panela de ferro. O único ingrediente insubstituível é o tempo, porque esta receita pode variar de acordo com o que temos em casa, com nosso gosto, com nossa história familiar. Todo mundo tem o seu ensopado de carne com cenoura. O que vamos contar aqui é o nosso.


Ingredientes

500g de coxão duro bovino cortado em cubos de 1,5cm

2 cenouras grandes cortadas em pedaços pequenos

1 cebola grande

3 dentes de alho

4 tomates grandes e maduros (ou uma lata de tomate pelado)

1 colher de sopa de farinha de trigo

1 cálice de vinho branco seco

2 colheres de chá de páprica picante

2 colheres de chá de orégano seco

1 colheres de chá de cominho em grão

sal e pimenta a gosto

azeite para refogar (ou uma colher de banha)

Temperos frescos para finalizar: manjericão, salsinha e cebolinha verde

Preparando o ensopado

Antes de tudo tempere a carne com sal e pimenta a gosto mais a páprica. Envolva tudo com a farinha de trigo. Corte as cebolas e o alho miúdos e bata os tomates (com casca e semente) no liquidificador.



Aqueça bem a panela, faça um fundo com azeite (nós usamos uma colher de sopa de banha de porco de produção orgânica). Refogue a carne enfarinhada até ficar bem dourada. Acrescente a cebola e deixe dourar também. Logo mais o alho. Neste ponto entre com o orégano e as sementes de cominho.


Já deve estar formando uma crosta no fundo da panela, e a gente vai ajudar a soltá-la com o vinho branco. Quando o vinho começar a secar adicionamos os tomates batidos. Se não cobrir a carne, completamos com um pouquinho de água fervente.


Cozimento lento

Agora é deixar o fogo fazer seu trabalho. E por isso é recomendado uma panela de ferro ou outra que mantenha o calor de forma uniforme e permanente. Quando levantar fervura a gente baixa o fogo e tampa a panela. Vez que outra a gente vai mexendo para não pegar no fundo. Vai precisar, em algum momento, adicionar mais água quente. O ideal é que esta função leve pelo menos umas duas horas, até a carne ficar muito macia.


Quando achar que a carne está perto do ponto, chame as cenouras pra festa. Elas só entram agora porque não queremos que elas desmanchem. Em 15 minutos elas estarão no ponto.



Créditos:https://cozinhaadois.com.br/ensopado-de-carne-com-cenoura/

Nenhum comentário:
Faça também comentários